Você pode não saber, mas seu corpo a conhece muito bem: é a postura. O seu estado de espírito tem tudo a ver com o fato de você andar por aí de cabeça erguida ou olhando para baixo com as costas curvadas.

A posição da coluna dos ombros, das pernas é diretamente afetada pelo nosso estado emocional. Se uma pessoa olha para frente, tem o peito aberto e gestos amplos, logo concluímos que se trata de alguém autoconfiante e satisfeito consigo mesmo. Mas se ao contrário tem os ombros contraídos, o peito encolhido e o olhar para baixo, demonstra timidez.

A postura corporal é uma forma de comunicarmos nossos sentimentos. Nosso jeito de ser para o mundo.

Manter uma boa postura é fundamental e deve ser um exercício diário tão importante quanto uma boa alimentação.

No adolescente, os ossos ainda estão em desenvolvimento, por isso, os esqueletos deve ficar sempre numa postura correta, tanto no andar quanto no sentar ou no ficar de pé.

Para a formação da estrutura óssea, ou seja, o endurecimento e crescimento dos ossos dependem de uma alimentação adequada e rica em sais minerais, principalmente de fosfato e carbonato de cálcio.

A fixação de sais de cálcio no organismo, que fortalecem os ossos, depende da presença da vitamina D, elaborada pelo organismo com o auxílio dos raios solares.

Os ossos do adulto, embora duros conservem certa plasticidade, o que faz com que se deforme quando mantidos durante muito tempo em posição inadequada, ou seja, em má postura.

 Os problemas de articulação como dores nos joelhos, nas costas, no pescoço ou no quadril são provocados por uma má postura corporal que adquirimos durante toda a vida.

 Portanto, uma boa postura pode nos proporcionar saúde, autoconfiança e beleza, pois problemas como barriga saliente, geralmente, também são causas de má postura corporal. Assista ao vídeo com excelentes dicas:

Fonte: Material Produzido por: Adriana Pereira – CRE Quirinópolis – Colégio Estadual Bartolomeu Bueno da Silva e Cremilda Martins – Superintendência de Desporto Educacional, Arte e Educação.